não sei que título dar a isto (janeiro)

it’s baaaaaack!

18 jan, musicbox
filipe sambado & os acompanhantes de luxo (+ luís severo + calcutá)

Processed with VSCO with c1 preset

nunca tinha ido a uma festa de despedida de um disco. adoro o vida salgada, o sambado e seu batom, glitter e colar de pérolas e começar o ano a berrar refrães no musicbox. tudo certo, portanto. vou fingir que sou uma pessoa paciente e dizer que aguardo calmamente o próximo disco.

21 jan, monforte da beira
piquenique mpagdp

2018-02-13 04.16.42 1.jpg

então trabalhei na véspera até às 2h cheguei a casa às 3h e só dormi às 4h30 para me atrasar e pagar um uber para às 8h15 conseguir estar dentro de um comboio em direcção a castelo branco para depois lá apanhar um transfer até monforte da beira. isto tudo por um piquenique, sim. o que é que eu levei para o piquenique? dois pães com marmelada, duas bolachas, uma clementina e uma garrafa de água. também levei uma camisola de lã a achar que ia estar um frio danado. resultado? dei por mim a morrer de calor e de fome, ao mesmo tempo. a fome tratou-se bem (havia queijo e pão à venda e o fino era 0,60€ – nem precisava de mais nada), o calor nem por isso. pelo meio ouvimos adufes, cordofones, gaitas, bombos (muitos bombos), a celina da piedade, o pedro mestre, o éme… pelo meio cantámos todos tanta coisa e ouvimos tanta coisa que não conhecíamos e olhem, nem sei… fui sem saber ao que ia a voltei a pensar que fazia isto todos os domingos, fácil. isto foi a celebração dos 7 anos d’a música portuguesa a gostar dela própria, btw. o bolo estava bom, mas eu gostei foi de conhecer o burro da aldeia.
um obrigada à filipa e à ju por terem embarcado na mini loucura comigo.

24 jan, casa independente
they’re heading west + rita redshoes

Processed with VSCO with c1 preset

não me deixem voltar a esquecer do quanto gosto da voz da rita, por favor. não me deixem voltar a passar tantos meses sem ir ver thw à casa independente, por favor. não houve large amounts (presumo que para me obrigar a voltar asap), mas houve i can’t handle the summer, não me queixo ❤
(em fevereiro o convidado é o luís martins, dos deolinda – façam favor, são fins de tarde tão bonitos)

26 jan, tivoli
ana bacalhau (& os pataniscas)

o disquinho está giro, tem duas maravilhas (a da minta e a da márcia), umas quantas boas para bater o pé (a do nuno prata, aquela do moço dos diabo na cruz, a do sami, a da capi, a do miguel jorge e a que é total e completamente da própria da bacalhau), mas no concerto quem ganhou foi o luís peixoto e a versões bonitas da estrela da tarde e da de volta para o meu aconchego. escrevi mais bem melhor sobre o certame para outrém, se quiserem muito está aqui.

entretanto fui ver a actores ao são luiz e saí muito embasbacada a dizer que tenho de ir ao teatro mais vezes, que é o que acontece sempre que vou ao teatro. e o call me by your name? nem quero ver mais nomeado nenhum, mais bonito que aquilo é impossível. later!

Advertisement

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s