hamburguesa

o título é uma piadinha porque hamburguer em espanhol é hamburguesa e este ano passei três meses em málaga a gozar muito com a palavra hamburguesa e agora estou em hamburgo. é isso.

num percebo nada do que dizem nem do que está escrito em todo o lado (eu em tempos fui aluna de 18 a alemão, o problema é que apesar de insistirem que ainda tenho ar de miúda de liceu, esses tempos acabaram há 6 anos), mas assim que começo a dizer “sorry?” já me estão a traduzir tudo para inglês, por isso está-se bem. só não dá é para lidar com as velhinhas que metem conversa na fila do Aldi, lamento.

a cidade é fixe, tem uns lagos e um porto bué grande e uns barquinhos e tal. o mais fixe são os comboios. neste momento são os meus bffs por aqui, o comboio urbano que no centro da cidade é subterrâneo e o metro que no centro da cidade passa por cima dos carros. é a famosa lógica germânica, amigos.

não sei que mais dizer por isso tomem fotos

calma falta dizer uma coisa: sim, os beatles, eu sei. já andei a fazer scouting, mas é assunto que merece uma incursão mais profunda e conhecedora e tal. posso fazer um preview tho

img_20160911_195433
beatles platz

anyway esta semana há reeperbahn festival e para além de esperar conseguir entrar tanto no indra como no keiserkeller (entendedores entenderão), vou presenciar conferências com gente tipo jessica hopper e tony visconti. só. pelo meio há uns concertos (se a tecas não está na tuga, a tuga vem até à tecas: surma e first breath after coma! leiria em hamburgo! tragam pampilhos!) de gente tipo jagwar ma, wild beasts, blossoms, spring king, grouplove e etc. mas mostly, o que é mesmo importante entender, é que vou estar debaixo do mesmo tecto que, possivelmente a poucos metros de, quiçá com a possibilidade de dirigir palavra a: jessica hopper, tony visconti. *heavy breathing*

also, a elbphilarmonicoiso vai ter uma instalação do brian eno. e sou capaz de já ter viagem e bilhete e cenas para ir ver o zambujo a amesterdão. perdão! ir a amesterdão e reparar que toca lá o zamba naquela noite e ah, que giro, não fazia ideia, olha que coincidência. berlim aka suspirar por hansa studios e trabants deverá suceder algures em novembro.

até lá vou ficando ligeiramente emosh sempre que vejo uma das mil referências à tuga que há nesta terra. é que migz, há um bairro tuga. com restaurantes e cafés com nomes tipo “o frango” ou “o cantinho do antónio”. e também há o “lisboa” e o “porto”, em frente um do outro, e “o pescador” e “o farol”. e os pastéis de nata e os galões e o café delta e a – tosse, muita tosse  – casa do clube de carnide.

enfim, pf venham visitar, que tenho de me aguentar sozinha à chuva até ao final de novembro, e isto assim é uma seca.

kugelschreiber!

Advertisement

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s